Português Italian English Spanish

Paraguai utilizará 15 mil máquinas de votação nas eleições municipais deste ano

Paraguai utilizará 15 mil máquinas de votação nas eleições municipais deste ano


Além de agilizar e dar transparência à votação, o voto eletrônico também acabará com a lista fechada para a escolha dos membros do legislativo.

A Justiça Eleitoral do Paraguai recebeu na última semana 15 mil máquinas de votação que serão utilizadas nas eleições internas dos partidos no dia 20 de junho e nas municipais, no dia 10 de outubro.

Além de agilizar e dar mais transparência às eleições paraguaias, a votação eletrônica também colocará fim às Lista Sábana, onde o eleitor vota em um bloco fechado de candidatos ao legislativo escolhidos pelos partidos.

A máquina ainda imprime uma cédula com o voto, que pode ser confirmado se necessário.

Fausto von Streber, diretor do Ministério de Tecnologia da Informação e Comunicação e encarregado máxima da fiscalização das máquinas, qualificou a como importante a entrega de todos os equipamentos. “Vamos implementar a Lei 6.318/2019 que mudará a forma de eleição e para a Justiça Eleitoral é importante a chegada de todas as máquinas para continuar com o processo eleitoral visando as municipais”, disse.

As máquinas foram identificadas com códigos de barra antes de serem guardadas em dois depósitos, pela Diretoria de Patrimônio. von Streber ressaltou ainda, a confiabilidade, transparência e audibilidade da máquina de votação.

Durante toda a semana passada, funcionários da Justiça Eleitoral realizaram a capacitação de indígenas de cinco aldeias do departamento de Concepción. Além da aprender a utilizar as máquinas de votação, os indígenas também puderam renovar ou obter o título de eleitor.

Texto e foto: assessorias