Português Italian English Spanish

Francisco Beltrão: nova rodoviária facilita desenvolvimento da cidade

Francisco Beltrão: nova rodoviária facilita desenvolvimento da cidade


O novo terminal substitui a estrutura antiga localizada no Centro, que funcionava desde 1977, e retira o fluxo dos ônibus da região Central. Com 6,3 mil metros quadrados de área construída, conta com 12 pistas para entrada e saída de ônibus, jardim interno, 16 guichês, oito salas comerciais e espaço para restaurantes.

Uma estrutura moderna para quem chega ou sai da cidade e trânsito urbano menos pesado. Esses são alguns dos benefícios já sentidos com a implantação da nova rodoviária de Francisco Beltrão, em funcionamento desde o começo do ano. O terminal foi inaugurado oficialmente pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior nesta quinta-feira (09), após agenda em municípios no Sudoeste.  

O investimento do Governo do Estado foi de R$ 10,4 milhões. O terminal foi erguido no bairro Água Branca, perto da PR-483 (saída para Cascavel), da PR-180 (conexão com Marmeleiro e Pato Branco) e do Contorno Norte, alça de ligação com as saídas para Coronel Vivida (PR-566) e Verê (PR-475).

A rodoviária substitui a estrutura antiga localizada no Centro, que funcionava desde 1977, e retira o fluxo dos ônibus do dia a dia da região Central.

“Francisco Beltrão é uma das melhores cidades do País em infraestrutura, destaque em desenvolvimento urbano, e essa rodoviária é fundamental não só para o município, mas para toda a região Sudoeste”, destacou o governador. “Visitantes e moradores ganham uma estrutura melhor, com mais conforto e que suporta o crescimento da cidade, que se expande com a atração de novos investimentos”.

Segundo o prefeito Cléber Fontana, a rodoviária antiga não atendia mais a necessidade do município, especialmente por causa da localização. “Tínhamos linhas de ônibus deixando de operar pela demora que levavam para entrar e sair da cidade. Nos momentos de pico chegava a uma hora de tempo. Agora, na saída, há separação entre o que é urbano e rodoviário”, disse.

MODERNIZAÇÃO – A nova rodoviária Dr. Sadi José Marco tem 6,3 mil metros de área construída, 12 pistas para entrada e saída de ônibus, jardim interno, 16 guichês, oito salas comerciais, espaço para restaurantes.

Seu novo prédio chama a atenção com o pé direito de 10 metros de altura e paredes de vidro que separam a área de espera dos usuários das vagas reservadas para os ônibus.

Atualmente, 11 empresas de ônibus operam viagens estaduais e interestaduais no novo terminal. A expectativa é que circulem pelo local mais de 150 mil passageiros por ano quando a rotina voltar ao normal.

O Governo do Estado executou a estrutura física e a prefeitura pavimentou o acesso e implementou uma nova conexão feita pela Avenida Dom Agostinho Sartori.

O espaço foi configurado para integrar os fluxos de um terminal. De um lado ficam a entrada e o acesso dos carros e do transporte individual (táxi ou de aplicativos) e do outro o pátio dos ônibus. Há um jardim interno logo na recepção e salas comerciais dos dois lados, com restaurantes localizados nas pontas. A área central é destinada aos guichês das empresas de viação. Há banheiros e salas separadas para trabalho ou leitura.

Em colaboração com AEN

Editor: Jota Ribeiro e equipe Sudoeste Online (46 99942-0442)  - E-mail: sudoestedoparanaonlie@gmail.com 

-  divulgação no site, FanPages e grupos de whattsApp.

Apoio: Ampernet, CODEFOZ, AMN, Ótica Cristal, Junsoft, Lodi Store, Hotel Resort Águas do Verê, AEN, Pousada FECEP Guaratuba,  Somos Fronteira, Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, Inglês Athus, Sicoob,Imobiliária Casa, Maqgil, Sudoeste FM Online.