Português Italian English Spanish

Copel conclui modernização da Usina Foz do Areia, em Pinhão

Copel conclui modernização da Usina Foz do Areia, em Pinhão


A usina é a maior operada pela empresa, com 1.676 megawatts de potência total instalada, e está localizada no rio Iguaçu, no município de Pinhão (PR). O amplo projeto de reforma e troca de equipamentos durou quase seis anos e absorveu R$ 150 milhões em investimentos.

A Copel concluiu a modernização da Usina Governador Bento Munhoz da Rocha Netto (Foz do Areia) e colocou em funcionamento a quarta e última unidade geradora da hidrelétrica a passar por reforma.  

A usina é a maior operada pela empresa, com 1.676 megawatts de potência total instalada, e está localizada no rio Iguaçu, no município de Pinhão (PR). O amplo projeto de reforma e troca de equipamentos durou quase seis anos e absorveu R$ 150 milhões em investimentos.  

Com a nova configuração, as quatro unidades geradoras produzem mais energia do que as antigas usando a mesma quantidade de água. 

“Temos, agora, uma usina com melhor rendimento e em condições de operar com alta confiabilidade nas próximas décadas. Cabe destacar que esse aumento na eficiência das máquinas é especialmente relevante em períodos de estiagem como o que estamos enfrentando, já que conseguimos aproveitar melhor o potencial hidráulico quando o nível de armazenamento no reservatório está baixo”, explica o diretor-geral da Copel GeT, Moacir Carlos Bertol. 

Os dois primeiros anos da modernização foram dedicados ao projeto e fabricação de componentes. Depois, o trabalho de desmontagem, reforma, substituição de equipamentos, montagem e comissionamento para retorno à operação de cada uma das quatro unidades geradoras da usina levou cerca de um ano — a mais recente começou a ser desmontada em setembro de 2020 e, no último dia 30 de agosto, voltou a produzir energia.

FOZ DO AREIA – A usina teve suas obras iniciadas em 1975. A barragem foi concluída em 1979 e a operação começou um ano depois. Sua construção provocou a desativação da Usina Salto Grande do Iguaçu, primeiro aproveitamento no rio Iguaçu com 15,2 MW. Salto Grande funcionou de 1967 a 1979.

A barragem é de enrocamento compactado (conjunto de rochas) com face de concreto. Foi a primeira a ser construída no Brasil e a maior do mundo no gênero na época, com 160 m de altura e 828 m de comprimento. Suas unidades geradoras eram, no começo da década de 80, as maiores em operação no País.

Em colaboração com Agência Estadual de Notícias 

Editor: Jota Ribeiro e equipe Sudoeste Online (46 99942-0442)  - E-mail: sudoestedoparanaonlie@gmail.com 

-  divulgação no site, FanPages e grupos de whattsApp.

Apoio: Ampernet, CODEFOZ, AMN, Ótica Cristal, Junsoft, Lodi Store, Hotel Resort Águas do Verê, AEN, Pousada FECEP Guaratuba,  Somos Fronteira, Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, Inglês Athus, Sicoob,Imobiliária Casa, Maqgil, Sudoeste FM Online.